Português

O professor e a educação inclusiva: formação e prática docente

O professor e a educação inclusiva: formação e prática docente

Autor Principal: Maria Edilandia Lavor Alves
Co-Autor: Mikaelly de Araujo Braz, Maria Rizoneide Pinheiro
Orientador: Diná Souza da Silva

A formação do professor para atuar na educação inclusiva vem sendo uma questão bastante discutida. Para Nóvoa (1995, p. 25),a formação não se constitui a partir de cursos, de conhecimentos ou técnicas, mas sim por meio do pensamento crítico sobre a reconstrução de uma identidade pessoal. A partir de experiências em sala de aula com professores sem formação em educação inclusiva, tornou-se necessário um estudo que abordasse esse tema. O objetivo principal deste trabalho é discutir a importância da formação dos professores na educação inclusiva. Pretende-se mostrar, também, os desafios encontrados pelos docentes e alunos com necessidades educativas especiais na sala de aula, assim como os prejuízos causados aos discentes com deficiência, que vivenciam a exclusão na escola. A elaboração do trabalho baseou-se em uma pesquisa bibliográfica acerca de autores que possuem estudos nessa área. São muitas as dificuldades encontradas por estudantes com necessidades especiais no âmbito escolar, já que os professores não têm formação adequada. Dessa forma, na maioria das vezes, os alunos com deficiência frequentam a escola, mas não participam das atividades cotidianas, o que para Meirieu contradiz o princípio fundamental do que é escola, pois essa deve ser aberta para todos. Diante disso, é preciso investir na formação continuada dos profissionais licenciados.

Palavras-chave: Inclusão. Formação de professores. Exclusão.